quinta-feira, 25 de março de 2010

Bateu Saudades!

Faz um certo tempo que não dou as caras por aqui... Caramba... Tempaço...

Sabe... Bate saudades disso aqui... rs!

Ando bem cansada (e sumida!), a inspiração hoje fez questão de não bater a minha porta... Mas uma música não saiu da minha cabeça o dia todo, e sabe, agora ela faz bem mais sentido que antes...


Quando bate a saudade
Eu pego as cartas eu leio, eu releio
Aspiro bem fundo o perfume o seu cheiro
Na fotografia que você me deu, e eu...

Quando bate a vontade
Eu fecho os meus olhos me vem o teu rosto
Teu sorriso meigo a tua voz, o teu gosto
Ah como eu queria poder te abraçar, te tocar...

Você inspira poesia
Na hora do almoço, de noite ou de dia
Na fila do banco, no banco da praça
Esqueço do tempo nem noto quem passa...

E o tempo não passa
Olhando pra lua na beira do lago
Não vejo a hora de estar do teu lado
Deitar no teu colo poder te acariciar...

3 Comentários ●๋•:

ਹ น ℓ ↑ Ä ห Ö(•̪●)♪♫҉♥ disse...

"Ah como eu queria poder te abraçar"

Os sentimentos de Saudade é muito complicado, infelizmente só a lingua portuguesa designa uma palavra especifica para esse sentimento...

Saudade!
Ah palavra ingrata,
que o português perpetua,
nos bate, nos maltrata,
por fim nos mata!


Um Beijo amiga... e novamente afirmo como lá em cima:

"Ah como eu queria poder te abraçar"

♥ Evelin Pinheiro ♥ disse...

Saudade doi doi doi, machuca o coração....

●๋• Debby ●๋• disse...

Há alguns dias descobri que a saudade não só dói...

O alívio que a "matança" da saudade nos traz leva embora toda dor...


"Na espera do alívio..."

Postar um comentário

Agradeço a sua atenção!